Nos intervalos entre as coisas importantes nos minutos à toa

 

“A pintura de José Bechara assenta em grelhas construtivas onde cromatismos cintilantes ou ferrosos flutuam em espaços ilimitados. A mesma orientação precede as suas esculturas, nas quais volumes geométricos, íntegros e vazados, se emaranham e multiplicam. A engenharia destes espaços multidimensionais converge, desmaterializada, nas suas instalações de vidro, cuja espacialidade interna é construída pelo volume variável de vazio existente entre os sucessivos planos de vidros suspensos Emitindo uma monocromia excitante e vibrátil através da luz filtrada que produz enigmáticos jogos de reflexos e sombras, Nos intervalos entre as coisas importantes, nos minutos à toa (2013) revela uma austeridade ascética e um sensualismo barroco.”

 

Local

Coimbra - Anozero'19

Date

November, 19